quixotePicasso

Talvez o problema seja realmente comigo.
As minhas escolhas.
A escolha pelas causas perdidas.

E o que me impede de mudar?
Ideais?
Princípios?
Moral?
Ética?

Quixotear tem o seu momento de esperança.
Quando a pá do moinho te acerta em cheio no peito.
E te lança em pleno ar.
O vôo é agradável, a sensação de leveza no pensamento.
Do alto, tudo parece claro, tudo parece simples.

Mas ao final, o vôo é curto.
E a conclusão é conhecida.
Inexoravelmente.
O chão.

Tem horas que acho que não vale mais lutar.
Mas talvez a questão se resuma apenas em um único ponto.
A escolha das batalhas.

E não é a escolha dentre as fáceis.
Das que você possui a certeza da vitória antes do início.
Mas das que valem a pena.
Daquelas que não importa o resultado final.
Mas o embate em si.

Pois não lutar por estas é deixar para trás o mais importante.

Quem você realmente é.

Anúncios